Música, Arte e Poesia

A música, a arte e a poesia estão tão entranhadas dentro do ser humano que podemos afirmar que são um espelho daquilo que nos faz realmente seres únicos sobre a Terra. As artes, como produto da Consciência Coletiva do Ser nos mostram que fomos talhados para que pudessemos aspirar dimensões diferentes daquelas vivenciadas no dia-a-dia comum. Tais "dimensões sutis" só podem ser alcançadas quando ascendemos para estados mais elevados da nossa alma e nos deixamos "carregar" de uma atmosfera fluida e etérea e tomamos contato com uma realidade que só pode ser sentida subjetivamente, de pessoa a pessoa. 

A música, a poesia e a meditação sempre elevaram o ser humano a um nível onde ele se sente mais livre e sentindo-se perfeitamente "em casa". Por isso, através dos tempos, todas as artes, a música talvez em especial, forma tidas como dádivas divinas ao homem e usadas para conectar-nos com a dimensão espiritual. Houve um tempo mesmo em que era impensável que tais manifestações ocorressem fora de um âmbito cerimonial e religioso. Em nossos dias, porém, tudo parece ter se desvinculado dessa dimensão, mas isso apenas aparentemente. As vibrações das notas musicais e a mensagem que podemos embutir nelas através das letras transmitem uma mensagem ao nosso corpo, ao nosso cérebro e finalmente, a nossa mente, a nossa consciência. 

Como tudo em nosso mundo atual, o sistema tenta nos convencer a viver uma vida toda desligados e desplugados dessa fonte primordial que sempre emprestou ao homem um sentido de existência e propósito maiores. Como resultado, temos toda uma cultura e consequentemente as manifestações artisticas devotadas unicamente a espalhar uma visão de mundo materialista e hedonista, com ênfase na diversão alienada de valores absolutos e na sensualidade exacerbada dos sentidos.

Tudo isso faz parte de um processo que visa nos definir como menos do que somos realmente e nos afastar de qualquer mensagem que tenha por objetivo acordar as pessoas para serem diferentes, de que podem e devem retirar a venda que as fazia olhar somente para aquilo que lhes colocavam à frente e começar a se conectar com a Eternidade que nos mostra a Verdade sobre quem somos e para onde estamos indo, a que, enfim, fomos destinados.  

Esta página do blog vai colocar você na trilha daquilo que considero relevante na área das artes (cinema, música e poesia) e que nos dá pistas claras de que muitos de nós sabem o que outros apenas intuem, de que precisamos acordar para a realidade de que temos sido tratados como gado pelo sistema do mundo.

Que todas as artes sejam instrumentos poderosos para aquilo que o Eterno as projetou para ser em nossas vidas:  Ferrramentas para nos LIBERTAR DA ESCRAVIDÃO!!!!!

- Tempestade da Alma: Acompanhada da canção "C.S. Lewis Song" de Brook Fraser - lindíssima canção-homenagem ao criador do mundo de Nárnia e um dos maiores apologetas cristãos de todos os tempos;

- Deserto da Graça - No Deserto somos treinados a discernir onde Ele está;

- Tradução da letra da canção "Frozen", da cantora Madonna (!!!) com clipe; poderosa mensagem sobre o desejo de DEUS de se relacionar conosco!!!

- Oceano da Paixão: montagem de vídeo com imagens da "Paixão", de Mel Gibson, com trilha sonora do clássico de Djavan;

- U2 e a poderosa mensagem de Walk On, em homenagem a ativista Aung San Suu; 

- grande musica e letra interpretada por Jorge Vercilo, impossível não lhe dar contornos espirituais;

- U2 - MAGNIFICENT (letra e tradução)

- clipe do grupo catarinense Aeroilis que está causando alarde na cena indie, grande clipe não-oficial, emocionante mesmo;

- Um Salmo de Despertamento;

-Entrevista com o "monstruoso" grupo de metalcore As I Lay Dyng; - 08/09/2010

- Brian "Head" Welch - do Korn a servo de Cristo - 13/09/2010

- A BATALHA DE UM SÓ - UM CONTO - 28/09/2010



Leia também